Sai laudo médico da Estudante Maranhense morta na Bolivia

unnamed.jpg

 Por meio de mensagem, amigo da estudante nos informa que o laudo médico saiu no dia de hoje (31). Ela não se matou segundo o relato. Ela teve uma crise asmática e o bronco aspirou, ou seja,  se engasgou com o vômito e morreu asfixiada.

_20160531_174436.JPG

Anúncios

Tuntum_MA: Estelionatários de Imperatriz foram presos

thumbnail_FullSizeRender-768x545.jpg

Tuntum (MA) – Dupla de estelionatários é da cidade de Imperatriz, mas, foram presos em Tuntum/MA aplicando golpes em aposentados e idosos.

Eles diziam para as vítimas que trabalhavam em empresa de empréstimos e levavam os idosos à agência bancária e faziam consignados no caixa eletrônico e pegavam o dinheiro do empréstimo e falavam que no próximo mês o benefício  seria pago normalmente.

Mas, na verdade era golpe e a dupla já havia agido assim nas cidades de Barra do Corda e Presidente Dutra, mas agora a casa caiu pra eles, ambos se encontram na Delegacia da cidade de Presidente Dutra à disposição da justiça.

Correios de Godofredo Viana é arrombada

13319932_1087164711355394_5454248262559282583_n

Criminosos arrombaram uma agência dos Correios em Godofredo Viana, na madrugada desta terça-feira (31). A ação aconteceu por volta das 3h30.

Segundo informações preliminares da 12ª Companhia Independente de Polícia Militar do Maranhão de Zé Doca (MA) – da mesma regional –, quatro homens armados participaram da ação criminosa, usando ao menos três motocicletas. Não há informações sobre a quantia levada pelos assaltantes.

Carolina_Ma: Vereadora acusa Prefeito de apropria-se de valores dos Funcionários Públicos

Prefeitura desconta de contra cheque e deixa funcionários sem consignados

Vereadora Idalina de forma solitária, mas enérgica. encaminha solicitação ao Bradesco- Carolina_MA, com o intuito de respaldar-se legalmente afim de acionar o Poder Público Municipal,  na justiça.

vereadora Idalina.jpg

Uma situação que se arrasta a bastante tempo. Segundo o relato da Vereadora, a prefeitura retira dos contra-cheques dos funcionários os valores referentes aos consignados feitos por eles junto à agência bancária. E de forma irresponsável os deixam impossibilitados de movimentarem outros consignados ou até refinanciá-los, pelo não repasse da Prefeitura ao Banco dos valores já recebidos.

De acordo com a Vereadora Idalina Santos, o montante chega ao valor de R$ 200.000,00 (Duzentos Mil Reais).

De forma muito agressiva em suas palavras, talvez por ver o tamanho da irresponsabilidade de uma gestão, ela  acusa o prefeito Ubiratan Jucá(PMDB) de apropriar-se de forma fraudulenta dos valores recolhidos.

Segundo sua publicação em rede social, irá encaminhar ao Ministério Público, para que tome as devidas providências diante do caso comprovado. MAIS UM.

IDALINA SANTOS.jpg

João Lisboa_MA: Polícia Civil estoura fábrica de armas

ARMAS 3.jpg

Polícia Civil do Maranhão, por intermédio da unidade de João Lisboa/MA, fechou uma fábrica de arma de fogos artesanais, localizada na Rua B, Bairro Norte Sul, além de fabricar, o proprietário fazia manutenção de armas industrializadas, os policiais foram ao local cumprir um Mandado de Busca e Apreensão.  Foram encontradas na fábrica, 08 armas de fogo de diversos calibres, todas industrializadas, uma pistola calibre 635 desmontadas, 01 revólver calibre 22 desmontado, peças de dois revólveres calibre 38 desmontados, grande quantidade de peças e suprimentos, além de munições de vários calibres, dentre eles de pistola 40 e rifle 44.

Francisco das Chagas Conceição Macedo, proprietário do local, foi autuado em flagrante pelos crimes previstos nos artigos 16 e 17 da Lei 10.826/03 e ficará à disposição da justiça local. *NOTICIA DA FOTO

Ministério Público aponta fraudes de R$ 2,5 bilhões no Bolsa Família

Entre possíveis irregularidades há pessoas que estariam recebendo o benefício sem ter direito, como servidores públicos e doadores de campanhas políticas

1462566993508 cópia.jpg

SADORA PERON E GUSTAVO AGUIAR – O ESTADO DE S.PAULO

BRASÍLIA – Um levantamento feito pelo Ministério Público Federal apontou suspeitas de fraudes no pagamento do programa Bolsa Família que podem chegar a R$ 2,5 bilhões e atingir 1,4 milhão de beneficiários.

Entre as possíveis irregularidades encontradas pelo órgão há saques realizados por pessoas que já morreram, indivíduos sem CPF ou com CPFs múltiplos, além de pessoas que estariam recebendo o benefício sem ter direito, como servidores públicos e doadores de campanhas políticas.

Os dados foram levantados a partir do cruzamento de informações do cadastro de beneficiários com dados da Receita Federal, Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e Tribunais de Contas.

Essas irregularidades foram identificadas em pagamentos feitos entre 2013 e 2014. O Ministério Público deu prazo de 30 dias para que o Ministério de Desenvolvimento Social e Agrário informe quais providências serão tomadas diante de inconsistências identificadas.

O levantamento fez parte de um projeto lançado pelo procurador-geral da República, Rodrigo Janot, em junho do ano passado e tem como objetivo combater as fraudes do programa.

Em nota, o Ministério do Desenvolvimento Social e Agrário afirmou que “não ignora a possibilidade de irregularidades ocorridas na gestão anterior”, isto é, da presidente afastada Dilma Rousseff. O texto também diz que a “pasta está empenhada em aperfeiçoar o controle e os mecanismos de fiscalização dos beneficiários do Bolsa Família” e que integrantes do ministério entraram em contato com o Ministério Público Federal para tratar do assunto e criar um comitê de controle “para depurar e garantir que o Bolsa Família seja destinado para quem mais precisa”.

OESTADÃO