Empresários chineses torcem pelo impeachment de Dilma, afirma executivo do país


“As pessoas estão felizes com a possibilidade, pois isso poderá trazer a estabilidade econômicapara o mercado brasileiro voltar a crescer”, afirmou CEO do Grupo Lifan, Mu Gang

6.jpg

Leia Mais:http://politica.estadao.com.br/noticias/geral,executivo-chines-diz-que-empresarios-no-pais-torcem-pelo-impeachment,10000047699
Assine o Estadão All Digital + Impresso todos os dias
Siga @Estadao no Twitter

Após reclamações, prazo para fazer simulado do Enem é prorrogado

O aluno tem quatro horas para fazer o exame, que tem 80 itens, com a mesma metodologia de elaboração de questões do Enem

download (3)

*Agência Brasil

Estudantes do ensino médio ganharam mais tempo para fazer o simulado do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) pela internet, no portal Hora do Enem. O Ministério da Educação decidiu prorrogar o prazo de acesso, que terminaria às 20h de hoje (30), até as 20h de amanhã (1º).

O teste está disponível para os 2,2 milhões de estudantes do último ano do ensino médio. O resultado e o gabarito serão divulgados ao final do exame.

Segundo o ministério, o prazo de acesso foi prorrogado porque houve relato de estudantes que tiveram dificuldade de acesso. O ministério acrescentou que vai apurar o que causou as dificuldades de acesso. Até as 15h de hoje, apenas 150 mil estudantes acessaram o simulado.

 O aluno tem quatro horas para fazer o exame, que tem 80 itens, com a mesma metodologia de elaboração de questões do Enem. O conteúdo é composto principalmente por assuntos vistos nas escolas até abril.

Na hora de se cadastrar, o estudante informa o seu objetivo ao fazer o Enem e a plataforma já disponibiliza um plano de estudos para que ele alcance aquela meta. O resultado do simulado mostrará como está o desempenho do aluno em relação ao curso que pretende fazer.

Este é o primeiro simulado online do Enem. Pelo menos mais três serão feitos até a data do exame, nos dias 25 de junho, 13 de agosto e 8 e 9 de outubro. Os últimos exames serão no mesmo formato do Enem e terão dois dias de duração, mas não haverá simulado da redação.

O Enem de 2016 será nos dias 5 e 6 de novembro e as inscrições estarão abertas de 9 a 20 de maio.

Bielândia-TO: Acidente vitima jovem

Anlq45b0EffGd3i136P6FJxX0T0lhAnJaR-sgoOeY2MY.jpg

O acidente ocorreu a 2km de Bielândia sentido Barra do Ouro. um jovem de 19 anos de idade identificado como sendo Ocilon Sousa da Silva, foi encontrado já sem vida, possivelmente perdeu o controle da motocicleta que conduzia e acabou saindo fora da pista e caindo com o impacto o mesmo não resistiu aos ferimentos e morreu no local. Informações dão conta de que a vítima teria saído de casa na noite de quinta feira por volta das 23h e até então não teria sido mais visto. O IML recolheu o corpo do local.

AqxYRZzdRob_Z3jkSEiHnCWhPhwMFcAvNYX0U1EgNk2B.jpg

Bandidos assaltam agência bancária em São Luís Gonzaga do Maranhão

Bandidos assaltaram a agência do Banco do Brasil na madrugada desta sexta-feira (29) no município de São Luís Gonzaga do Maranhão, situado a 209 km de São Luís.

cofre.jpg

Segundo informações da polícia, os bandidos desligaram o alarme e o sistema de videomonitoramento. Logo após os criminosos, que ainda não foram identificados, cortaram o cofre com a ajuda de um maçarico e levaram toda a quantia que estava no banco. Eles fugiram sem deixar pistas.

A polícia da região já foi acionada e já está à procura dos criminosos. A gerência do banco ainda não informou qual foi o valor roubado no local.

arromba-3.jpg

EM TUDO HÁ UM DESVIO

José Antunes Sobrinho, um dos donos da construtora Engevix, revelou em sua proposta de delação premiada,  que pagou propina a lobistas, autoridades brasileiras e venezuelanas para que uma subsidiária do grupo, a Ecovix, fizesse os reparos da fragata Warao, em um contrato de US$ 160 milhões.

engev

Antunes fez acusações con­­tra o vice-presidente, Michel Temer (PMDB), ­o presidente do Senado, Renan Calheiros(PMDB), o ministro da Secretaria de Comunicação Social do Governo,Edinho Silva, a ex-ministra-­chefe da Casa Civil no governo Lula, Erenice Guerra, e o ex-marido da presidente Dilma Rousseff, Carlos Araújo. Antunes também disse que houve pagamento de propinas para conseguir o contrato com a Marinha venezuelana e garantir que a armada bolivariana teria onde atracar o navio em águas brasileiras.

LEIA A INTEGRA > REVISTA ÉPOCA